Programa:

 

 

1ª encontro

Texto:  “Ter uma experiência” IN: Dewey, John. Arte como Experiência. São Paulo: Martins Fontes, 2010. (páginas 109 - 141).

Lispector, Clarice. Água Viva. Rio de Janeiro: Rocco, 1998.

Artista referência:

Alex Katz

Maureen Gallace

 

2ª encontro

Texto:  “Ter uma experiência” IN: Dewey, John. Arte como Experiência. São Paulo: Martins Fontes, 2010. (páginas 109 - 141).

Lispector, Clarice. Água Viva. Rio de Janeiro: Rocco, 1998.

Artista referência:

Eric Fischl

Kimberly Trowbridge

 

3ª encontro

Texto:  “Ter uma experiência” IN: Dewey, John. Arte como Experiência. São Paulo: Martins Fontes, 2010. (páginas 109 - 141).

Lispector, Clarice. Água Viva. Rio de Janeiro: Rocco, 1998.

Artista referência:

Elizabeth Peyton

Mamma Andersson

 

4ª encontro

Apresentação dos trabalhos e processos desenvolvidos em formato pecha kucha, postado até sexta-feira, anterior ao último encontro (obrigatório a todos os participantes).

 

 

Metodologia:

Os participantes deverá postar seus trabalhos em pasta no drive (organizado especificamente para o trabalho) e compartilhar processos com grupo de WhatsApp.

Os encontros ocorrerão no horário de 9:00hs - 12:00hs pela plataforma zoom.us (é exigido pontualidade)

Vagas: máximo de 25 participantes

 

Referência Geral:

Dewey, John. Arte como Experiência. São Paulo: Martins Fontes, 2010.

Godfrey, Tony. La pintura hoy. NY: Phaidon, 2010

Lispector, Clarice. Água Viva. Rio de Janeiro: Rocco, 1998.

Os encontros acontecerão de forma remota, na plataforma ZOOM, nos seguintes dias:

09/11, 16/11, 23/11 e 30/11

 

Quem pode participar:

membros do estúdio de pintura, Apotheke em Dissidência, Apotheke na Escola, convidados e orientandos.

 

Ministrante:

Professora Associada Dra. Jociele Lampert

Informações: apothekestudio@gmail.com

AULA ATELIÊ

Aula Ateliê faz parte do projeto de pesquisa “O estúdio de pintura como um laboratório de ensino e aprendizagem em Artes Visuais”, desenvolvido pela professora Dra. Jociele Lampert na UDESC. Tal projeto situa-se na investigação de duas categorias: o estúdio de pintura e o laboratório de ensino e aprendizagem. O estúdio de pintura é um lugar onde desenvolvem-se metodologias operativas da produção pictórica, tanto da perspectiva do artista, quanto do professor. Articula-se tempo/espaço e processo criativo. Nesta categoria objetiva-se além de mapear metodologias, mapear o próprio tempo de produção em estudos que permeiam a História da Arte buscando a concepção do que é um estúdio de pintura, baseando-se no referencial “In the Studio: Painting”, de John Elderfield e Peter Galassi (2015). Na Categoria que versa sobre o laboratório de ensino e aprendizagem, o projeto busca compreender o conceito da Laboratory School, defendido por John Dewey, texto publicado pelo Teachers College em 1997. Desta forma a problemática do projeto centra-se na articulação do estúdio de pintura como um espaço de ensino e aprendizagem. Além da tradução e compreensão dos referenciais citados, como pesquisa de campo irá ser proposto a construção de materiais educativos baseados nos exercícios de Josef Albers (2009), bem como, exposições desses materiais configurando o processo de ensino e aprendizagem nas Artes Visuais. Tal investigação centra-se na prática concebida no estúdio de pintura da UDESC/DAV, e aponta abordagem da pesquisa baseada em Arte, que propõe trânsito entre prática artística e prática pedagógica. Como questão configura-se a problemática: Como o estúdio de pintura poderá ser concebido como um espaço de criação artística, ao mesmo tempo, como um espaço de ensino e aprendizagem em Artes Visuais?

1/17

Disciplina de Processos Pictóricos 2019.2

1/106

Disciplina de Interlocuções Pictóricas 2019.1

1/49

Disciplina de Interlocuções Pictóricas 2018.1

1/42

Disciplina de Introdução à Linguagem Pictórica 2018.1

1/24

Disciplina de Introdução à Linguagem Pictórica 2017.1

@ 2016 by Katia Speck|Estúdio de Pintura Apotheke